terça-feira, 8 de maio de 2018

Como acabar num tango-bar em três falas

Calíope - Querem combinar alguma coisa na quinta? Vamos jantar?
Amiga 1 - Óptima ideia!
Amiga 2 - Falaram-me de um workshop de tango e depois deve ter um espectáculo ou assim...
Calíope: Ohhhh siiii cariñooooo!
Amiga 1 - I'm in!
Amiga 2 - Não sei nada de tango mas 'bora lá [esta minha amiga é bailarina]
Calíope - Se calhar é melhor perguntar qual é o nível do workshop... eu já não danço tango há dois anos.
Amiga 1 - Bom, eu vi no site que pedem participantes "com experiência". A minha experiência de tango tem mais de 10 anos, por isso deve ter passado de prazo!
Amiga 2 - Se eu lhes escrevo a dizer que não temos experiência não nos aceitam... Além disso não sei como é com os pares...
Amiga 1 - Vou mas é ver vídeos no youtube da Ana Padron & Diego Blanco para actualizar a minha experiência!
Amiga 2 - Esses são bons? Mas digo que é para inscrever 3?
Calíope - Por mim sim! Mas não tenho tempo para ver vídeos até quinta, mas pode ser que compense com a prática da kizomba!
Amiga 1 - Inscreve-nos sim!
Calíope - Eu marco a mesa do jantar!

E assim sem querer para fugir a um jantarico cá em casa, vou parar ao tango! Este era o ano para dançar, certo?

(Adenda: Ao contar este episódio à minha mãe, ela sugeriu que eu levasse o meu diploma de tango emitido em Buenos Aires para atestar a minha proficiência!)

Sem comentários: