quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Dia de spa

Com a queda das temperaturas, a queda de neve e os Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang em curso estavam reunidas todas as condições para eu exercitar o meu desporto de Inverno preferido: a ida às termas. Fui para Oberlaa! E há lá melhor coisa na vida do que uma pessoa estar a banhos em água quentinha? Há sim, uma pessoa enfiar-se num tanque de hidromassagem com água quentinha (aquele ali da imagem de baixo) e levar com flocos de neve na cabeça! 
Realmente é muito estranho, uma pessoa estar agasalhada até aos ossos ao entrar nas termas e de repente estar em biquíni no recinto das piscinas e sem dar por ela já nem biquíni tem na sauna e anda por ali - a céu aberto - como se estivessem muitos graus positivos. Eu ainda tentei andar descalça na neve, mas foi só mesmo uma tentativa falhada. Podia estar como vim ao mundo, mas com umas havaianas nos pés, caso contrário ficava com frio!!! No entanto, enquanto estava na hidromassagem estive a apreciar as outras pessoas que andavam efectivamente descalças na neve, uma pessoa que se pôs de gatas (!) e outra que se sentou/deitou numa espreguiçadeira coberta de neve. 
Pode parecer estranho, mas uma pessoa não sente frio nenhum e eu só me lembrava das reportagens acerca dos banhos de Ano Novo, onde todos os velhotes diziam que aquele banho revigorava corpo e espírito. Acredito piamente que sim, que a diferença de temperatura deve fortalecer o sistema imunológico. Mas cómico, cómico, foi quando saí do espaço já vestida a preocupação de fechar rapidamente o casaco e usar o gorro não fosse apanhar frio!

2 comentários:

Boop disse...

Boa vida!!!
:)

Calíope disse...

É mais criar oportunidades com o que a vida nos dá! :)