domingo, 21 de janeiro de 2018

Olha a onda, olha a onda

Vou a trabalho para um destino que me levantou algumas preocupações de segurança: violência, crime, raptos, etc. Em conversa com o meu colega tentei esclarecer se os meus medos eram fundamentados e ele disse que não. Não há violência contra turistas... porque não é um destino turístico, há sim violência entre gangues rivais (!), por isso é só não me meter entre rixas. 
Uff. Pronto, vou ficar quietinha, dou as minhas aulas
e não vou falar com estranhos. 
Comentei o facto com a minha mãe que afinal estava/está preocupada com outro foco de problemas:

"Cuidado quando fores nadar! Pode haver... tubarões!" 

Sem comentários: