terça-feira, 4 de julho de 2017

Strangers in the night

Eu sei que bato no fundo quando começo a ver a (minha) vida escrita em letras de canção e realmente desta vez até estranhei não me ter reconhecido em letra alguma. Ok, o Ed Sheran foi plantado aqui de forma visionária, mas por ser visionário, na altura que o postei não sabia o que estava para vir. Eis senão quando hoje no meio de um frenesim laboral tremendo tocou na minha cabeça o Strangers in the night, que por mais ridículo que possa parecer é uma das minhas músicas preferidas de sempre, cuja a letra eu sei obviamente de cor e salteado e que já me mereceu muita reflexão. Pois... strangers in the night... e esboço um sorriso pela coincidência e por ainda acalentar alguma esperança que a letra chegue ao fim.

Sem comentários: