sábado, 8 de abril de 2017

Num sábado sem nada para fazer


Maria Calíope resolveu ir fazer mais um furo nas orelhas. Foi ao sítio da outra vez e  de repente ouviu a furadora profissional a dizer:
"Mas, ó menina, não posso fazer mais para cima, pois já não tenho espaço e apanha a cartilagem... Não vê que esta orelha é mais pequena que a outra."

Oi?! Tenho uma orelha mais pequena do que a outra?! Como assim mais pequena? Como é que nunca reparei nisso em quase 40 anos.

Sem comentários: