domingo, 23 de abril de 2017

345º momento cultural: Djodje

Uma das coisas que mais me tem feito ganhar cabelos brancos é a ideia de ir a um concerto em Lisboa e arredores. Gosto de ir a concertos, gosto de ver arte ao vivo e quando vou a Lisboa, tenho tido a sorte de haver concertos que não serão tão prováveis de assistir em Viena. Aqui, se quero ir a um concerto, compro o bilhete e vou. Em Lisboa, (ainda) tento arranjar companhia e descobrir como é que vou parar ao evento. E isto, o que poderia nem ser assunto, passou a ser um rosário de penas... Desta vez, queria ir mesmo ver o Djodje - bom quero mesmo sempre ir ver x ou y - e pensei que é ridículo conseguir dar três voltas ao mundo, fazer e acontecer em 4 continentes e depois quero ir a um concerto em Lisboa e não consigo. Não faz sentido.
A minha irmã - talvez por receio de eu ir para a Margem Sul sozinha - veio comigo ver o Djodje. Eu sabia que ela ia gostar, o que nem me lembrava era o quão divertido era sairmos as duas.
O concerto estava enquadrado no Surf Festival Caparica, ou coisa que o valha. Conforme entrámos, ficámos com a impressão que estávamos numa festa do secundário: miudagem manhosa para todos os gostos, miúdas ultra-preparadas para sair à noite, xoninhas que querem aparentar ser mais durões, etc.

Depois deste longo preâmbulo, deixem-me falar do concerto. Como o querido leitor sabe, eu transformei-me em fã do Djodje há coisa de meses e ter a possibilidade agora de o ver ao vivo foi um autêntico luxo. O público estava doido, cantavam, gritavam, sabiam as letras todas de cor. Eu diverti-me imenso e dancei ainda mais. O miúdo é giro, giro - a minha irmã também achou - e super simpático com o público. Cantou aquelas músicas todas que o youtube me toca, não cantou umas 4 ou 5 da minha dúzia de músicas... mas não fez mal nenhum. Só dei por falta delas já em casa. Em compensação, trouxe convidados (Dynamo e Ricky Boy).
Bom, como o caríssimo leitor deve imaginar, o concerto foi animadíssimo e nós gostámos imenso! A ver se repetimos a dose em Agosto!

Sem comentários: