sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

O livro

Começo a aperceber-me que toda a gente fica mais animada com os meus feitos do que eu própria. Estou a lembrar-me por exemplo quando soube que tinha entrado na faculdade - estava normalíssima - ou quando defendi a minha tese - aí estava em transe - mas tanto numa como noutra ocasião lembro-me de haver muitas pessoas muito felizes por mim. Agora com a proposta publicação do livro, está a acontecer a mesma coisa, o que me fez dar conta deste padrão comportamental. Toda a gente toda contente, de onde saliento uma amiga minha de Lisboa que ficou praticamente histérica (dizendo que só me falta o filho) e eu com aquele meu ar enfadado de quem tem de ir ao supermercado por obrigação.
Enfim, para memória futura: assinei hoje o contrato com a editora!

3 comentários:

Lois Lane disse...

A bem dizer, era motivo para ficares um bocadinho histérica! ;)

Mas vá, nós ficamos por ti!

Ana A. disse...

Boa!!! Conte-me tudo!

Calíope disse...

Lois: Pois era, eu sei, mas eu sou um bocadito impassível.

Ana: Nada de especial. É um livro sobre aquelas cenas das minhas pesquisas - ou seja - não interessa a praticamente ninguém!