segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Pessoas

Estou a notar um estranho e embaraçoso padrão na minha vida. Canso-me de pessoas. Pessoas que me são muito próximas e que, a meu ver, de repente se tornam desinteressantes, que subitamente parecem irreconhecíveis, que num ápice deixam de ter coisas em comum comigo. E eu afasto-me.

Felizmente há pessoas que não desistem de mim.

E eu até posso ser torcida, mas também dou o braço a torcer.

Sem comentários: